NAVEGUE PELO BLOGUE

6 de novembro de 2010

HISTÓRIA DO GRUPO NUN´ÁLVARES PUBLICADA EM LIVRO



No âmbito das comemorações do 78º aniversário do Grupo Nun’ Álvares no serão de sexta-feira 5 de Novembro, o velho Estúdio Fénix foi palco da apresentação do livro “Retratos do Tempo e da Memória”. Uma obra escrita por Alberto Alves que fez uma viagem pela abundante História da agremiação desde 1932, ano da fundação do Grupo.


Antes da apresentação formal do novo livro, a plateia recheada de Nun' Alvaristas apresentou um espectáculo que apesar de “pouco ensaiado” foi do agrado geral.
O Grupo Nun’Álvares é a Associação mais eclética do concelho acolhendo e desenvolvendo um alargado leque de actividades de cariz cultural, recreativo e desportivo. Algumas das secções foram chamadas a actuar nesta sessão onde a solenidade deu lugar a momentos descontraídos e divertidos proporcionados pelo Coral Santo Condestável, Teatro Vitine, Grupo Trauma, onde não faltou também o Fado, o folclore, a patinagem artística e a primeira apresentação pública do grupo de Hip-Hop.

Com algum atraso seguiu-se a cerimónia de apresentação do livro; Manuel Mendes actual Presidente da Direcção do Grupo Nun’Álvares abriu a sessão introduzindo Artur Coimbra convidado para fazer o elogio do trabalho, referindo que “este livro podia ser da sua autoria, pois em tempos fizeram-lhe essa proposta”. Desta vez foi Alberto Alves o autor escolhido que, emocionado dirigiu palavras de agradecimento a todos que tornaram possível a edição da monografia. “Nunca fui Nun' Alvarista mas sempre tive grande simpatia pelo Grupo, admirando muito do trabalho por ele desenvolvido” disse Alberto Alves.


A obra é agora pública e parece corresponder às expectativas de uma associação nascida Há 78 anos que agora pode rever-se e conhecer melhor a sua própria História, recheada de sucessos, altos e baixos, chegando aos nossos dias como uma das mais activas, ecléticas e prestigiadas associações de Fafe.



Certamente que a Cultura fafense seria menos rica sem a existência do Nun´Álvares, determinante em momentos importantes da História deste concelho, organizando carnavais, Festas da Senhora de Antime, Feiras Francas e tantos outros eventos pautados pelo sucesso.
A História desta agremiação funde-se inevitavelmente com a História moderna de uma cidade que reconhece o inquestionável mérito do Grupo Cultural e Recreativo Nun’ Álvares.



Sem comentários: