NAVEGUE PELO BLOGUE

26 de julho de 2011

A VILA DE FAFE NA TRANSIÇÃO PARA CIDADE BREVE "RETRATO"

Centro da Vila nos anos 80

No âmbito do 25º aniversário da elevação da Vila de Fafe a Cidade deixamos aqui um breve “retrato” do Concelho de Fafe em 1986.

A área do concelho era de 21887 hectares, tinha uma população de 45828 indivíduos, correspondendo a uma densidade populacional de 208,4 habitantes por Km2, o número de eleitores era de 33506, sendo 8163 inscritos na Vila. Tinha 3634 habitantes com menos de 20 anos de idade e uma população activa de 3936 pessoas: 157 no sector primário, 2031 no secundário e 1748 no sector terciário.

Informação baseada nos estudos prévios do Plano Director Municipal e nos censos de 1981.


Ensino

Ao nível do ensino pré-primário, a Vila de Fafe dispunha de um estabelecimento localizado em Santo Ovídio. Do ensino primário tinha sete Escolas: duas preparatórias e uma do ensino secundário. A Cercifaf e a ESEIF completavam os estabelecimentos de ensino em Fafe.


Cultura e Desporto

Neste capítulo existiam duas salas de espectáculos, duas bibliotecas, a Casa Municipal de Cultura, um Centro de Artesanato, um campo de jogos relvado, uma piscina coberta e aquecida e um Pavilhão Gimnodesportivo.


Saúde

Um Posto Clínico, um Centro de Saúde, um Hospital Distrital, três farmácias e outras tantas clínicas privadas com serviço permanente.


Assistência Social

Em 1986 a Vila de Fafe possuía duas cantinas escolares, sete parques infantis, um infantário/creche, um Centro de Dia e um Lar para a terceira idade.


Comunicações

Uma estação de Correios e uma Central Telefónica automática.


Segurança Pública

A segurança da Vila era garantida por um Posto da GNR, uma Corporação de Bombeiros Voluntários, um Posto de Policia de Segurança Pública e um Centro Municipal de Protecção Civil.


Actividades Económicas

Existiam na Vila de então uma agência da CGD, três outras agências bancárias, uma Caixa de Crédito Agrícola Mutuo, três filiais de agências de seguros, um mercado, três residenciais, onze pensões, quinze restaurantes, vinte e seis cafés, três discotecas e duas agências de viagens.

Esta informação integrou o parecer emitido pela Câmara Municipal no âmbito da elevação da Vila de Fafe a Cidade, em 4 de Dezembro de 1986.















































Sem comentários: