NAVEGUE PELO BLOGUE

23 de agosto de 2011

PADRE PAULO POLITICAMENTE CORRECTO NA DESPEDIDA EM SANTO OVÍDIO





O jovem sacerdote que não chegou a “aquecer o lugar”, está de partida após uma breve passagem pela paróquia de Fafe. Nestes últimos anos a rotatividade dos Padres, pelo menos em Fafe, é alucinante. Nunca se assistiu a substituições tão repentinas. Será que a Igreja está a aproximar-se do mundano, do moderno mercado de trabalho em que ninguém tem lugar cativo?
 Este afastamento do Padre Paulo para Barcelos… assim como o “mistério” da “reforma” antecipada do Padre Peixoto Lopes envolve, quanto a mim, outros “mistérios” que, alegadamente, só alguns decifrarão. A Igreja é profícua em enigmas… aliás é essa a sua maior força… não vou aqui tecer ou sequer questionar os mistérios da Igreja, isso é tarefa para os teólogos e demais “cientistas” do fenómeno Católico Apostólico Romano. Como "Cristão" por imposição e "católico ocasional" apetece-me dizer aqui que o afastamento do Padre Paulo será mais um daqueles “mistérios” que todos ouvimos falar mas ninguém explicou de forma cabal.
A Igreja já se integrou na Democracia portuguesa. Não seria tempo de Ela própria dar alguns sinais de democratização? Os fiéis que sustentam a pesada instituição não têm direito, a pelo menos alguma elucidação?

“A NOSSA FÉ É INEXPLICÁVEL” Citou o Padre Paulo.

Sem comentários: