NAVEGUE PELO BLOGUE

5 de dezembro de 2012

"FICAR" O NOVO ROMANCE DE POMPEU MARTINS


 

 
 

Dez anos depois de ter escrito o romance «Contigo para um último dia», Pompeu Miguel Martins retoma este género literário e apresenta no próximo dia 13 de Dezembro, pelas 21.30, na Biblioteca Municipal de Fafe, o seu novo trabalho intitulado Ficar. Neste livro, é contada a história de um homem em diferentes tempos, contando-se, percorrendo as vivências da infância numa vila do interior durante a década de trinta.

Nesta obra, Pompeu Miguel Martins percorre um imaginário de época, com uma série de elementos que nos remetem para vivências similares àquelas que se viveram no mesmo período em vilas como Fafe. Sem deixar de ser um texto de ficção, causará certamente no leitor um reconhecimento interior que o não limita mas antes que o poderá libertar para uma fruição e reflexão em torno das temáticas abordadas, essas universais e que tocam os processos de formação da identidade humana.
 


Pompeu Miguel Martins é um escritor português, nascido e residente em Fafe. Licenciado em Sociologia pela Universidade Autónoma de Lisboa e com pós-graduação em História das populações pela Universidade do Minho. A sua obra dispersa-se por vários géneros literários como a poesia, texto dramático, prosa, entre outros. No plano profissional tem trabalhado no âmbito das políticas públicas de juventude, tendo sido Director da Agência Nacional para a Gestão do Programa Juventude em Acção (2007 - 2012), Delegado Regional de Braga do Instituto Português da Juventude (2005-2007), Membro do Comité para a Juventude do Eixo Atlântico (2005-2007), sendo actualmente vereador da Cultura, Desporto e Juventude da Câmara Municipal de Fafe. Das obras publicadas constam os seguintes títulos: · Lugar dos dias (poesia)· Tempo de Habitar o Quase Corpo (poesia) · O Livro do Anjo (poesia) · As Mulheres (teatro/libreto)· O jornal que não falava de mim (conto)· Tambor do Mundo (poesia)· Contigo para um último dia (romance)· Máquina Royal (diário)· Caderno de Orações (prosa)· Do Intangível (poesia)· 7 retratos de Natal (conto)· Ficar (romance).

1 comentário:

Anónimo disse...

Mas este tipo é algum escritor/poeta? Tenham vergonha.