NAVEGUE PELO BLOGUE

4 de outubro de 2013

GRUPO CÍVICO QUER DEFENDER A MEMÓRIA FAFENSE


O grupo "Em Defesa da Memória Fafense" acaba de surgir na rede social Facebook.
Em pouco mais de uma semana, cerca de 300 pessoas aderiram a este movimento que já prepara a futura criação de uma associação para a defesa do Património Cultural genuinamente fafense. 

«O PATRIMÓNIO FAFENSE NÃO PODE SER DESCARTADO

Fafe não pode continuar à deriva em termos de conservação do seu Património Histórico e Arqueológico. Os fafenses não podem ficar indiferentes às atrocidades de responsáveis e alguns particulares contra o nosso Património, uma memória colectiva que tem sofrido golpes profundos que, aos poucos, cortam a árvore preciosa da nossa identidade, afastando-nos da genuinidade das nossas raízes, nascente vital da nossa História.

Ao longo das últimas décadas, Fafe viu rasgar importantes páginas do seu passado, muito por culpa da insensibilidade e desconhecimento de responsáveis autárquicos que nunca souberam accionar uma política cabal, visando a salvaguarda dos inúmeros bens patrimoniais espalhados por todo o concelho.

Fafe já perdeu muito Património, demasiado, em tão pouco tempo. Quando vai parar este processo irreversível de destruição? Os fafenses merecem, como em tantas outras terras, conservar a sua memória colectiva. Urge agregarmos esforços e seguir em frente com um movimento cívico bem estruturado capaz de resgatar e proteger a preciosa herança dos nossos antepassados. Como cidadãos responsáveis, temos o dever legal de preservar a nossa identidade cultural.»

(texto da cronologia do grupo "Em Defesa da Memória Fafense")

Os interessados podem aderir ao grupo mediante aprovação pelo endereço:

Sem comentários: