NAVEGUE PELO BLOGUE

17 de novembro de 2016

ESCOLA CONDE DE FERREIRA


Edifício em fase final de restauro, 2016


A Escola Conde de Ferreira, localizada na Rua Montenegro, em Fafe, é uma das muitas “casas de ensino” que Joaquim Ferreira dos Santos, (Conde de Ferreira) legou ao país na segunda metade do século XIX.

Sem descendência, o benemérito deixou em testamento a quantia de cento e quarenta e quatro mil réis para obras de beneficência: «Quero que os meus testamenteiros mandem construir e mobilar 120 casas para escolas primárias  para ambos os sexos nas terras que forem cabeça de concelho, sendo todas por uma mesma planta e com acomodações para vivenda do professor, não excedendo o custo de cada casa e mobília a quantia de um conto e duzentos mil réis...» Ditou o rico penafidelense, “brasileiro” de torna viagem, que faleceu aos 84 anos, em 24 de Março de 1866 (data inscrita na sineira do edifício).

A pequena Escola, com duas salas que comportavam cerca de sessenta alunos e os seus exíguos cómodos para o professor, foi solenemente inaugurada no dia 2 de Novembro de 1868, ficando propriedade da Câmara Municipal de Fafe até aos nossos dias.

Em 1875 a Escola tinha 30 crianças, todas do sexo masculino. Neste ano a C.M.F. reparou um tecto em estuque. Em 1896 efectuou obras de conservação e em 1914 foram gastos, pela autarquia, cinquenta mil réis em infraestruturas e na instalação eléctrica.
Este histórico e emblemático estabelecimento de ensino foi desactivado pelo Município no final do ano lectivo 2005/2006.




O edifício em 2012

Votado ao abandono durante cerca de uma década, o edifício foi recuperado em 2016 para acolher a Sociedade Filarmónica Fafense, “Banda de Revelhe”.
A 148 anos da sua inauguração o edifício histórico continuará a manter a sua função ao serviço do ensino, agora da música.







Sem comentários: