NAVEGUE PELO BLOGUE

30 de março de 2018

MARIA MACHADO MACRÓBIA DE MEDELO



Sob este título, a revista “Universal Lisbonense” publicou, em 1843, um apontamento redigido por Joaquim Ferreira de Mello, pai do fafense António Augusto Ferreira de Mello e Carvalho, 1º Visconde de Moreira do Rei que aqui transcrevemos:

«Na freguesia de S. Martinho de Medello, próximo da villa de Fafe, vive uma mulher por nome Maria Machada, que já conta 110 annos de existência: gosa-se de perfeita saúde, e de todos os seus cinco sentidos: ajudada do seu bordão ainda percorre as paróchias d’este concelho mendigando uma esmola: nasceu na mesma freguesia, em uma cabana miserável, situada no cume do oiteiteiro mais alto que alli existe, e desamparada ao rigor das estações: o seu alimento usual não passou nunca de pão de milho, e um caldo, que muitos dias talvez lhe tenha faltado, atenta a sua indigência: nunca teve moléstia grave, e no meio de sua pobreza, e no cume do seu oiteiro, que só ella tem habitado e habita; tem vivido mais feliz e contente que a maior parte dos reis e grandes do mundo, porque desconhece a ociosidade, e a soberba.
Transladado de uma carta, que em 9 de octubro nos-escreveu o sr. Joaquim Ferreira de Mello.» 

Sem comentários: